sexta-feira, 6 de maio de 2011

DICA DE POUSADAS NO BRASIL

Pousadas no Brasil
Hostal en Brasil

http://www.hiddenpousadasbrazil.com/

COSTA AMALFITANA E TOSCANA onde comer

DICA.













GISELA BRUM
http://cozinhadazela.blogspot.com/


A dica agora é da nutricionista e cozinheira Gisela Brum. Zela morou na Itália e nos dá o caminho das pedras do país da massa!  Buono Viaggio!! 

COSTA AMALFITANA


A Costa Amalfitana é basicamente uma estrada que liga várias vilas à beira da estrada Sorrento, Capri, Positano e Amalfi. Rochedos íngremes, mar azul e praias rochosas lotadas de italianos que vem de Napoles, Roma e outras cidades.

Sorrento é o ponto mais próximo de Capri e também possui algumas praias rochosas, um pouco feias. O mais bonito é a atmosfera mediterrânea da cidade e a vista dos rochedos, na estrada que sai da cidade.


Gruta Azzurra


Capri é uma ilha super turística belíssima, principalmente a parte da Grotta Azzurra e Il Faro. Pode-se pegar o ônibus da cidade de Capri para Ana Capri. De Ana Capri pega-se outros ônibus para a Grotta Azzurra ou Il Faro. Cada passagem custa mais ou menos 0,80 euro( menos de US$1,00). As duas são praias (se é que se pode chamar um rochedo de praia) belíssimas com água totalmente azul e visibilidade de pelo menos 30 metros.

ATENÇÃO:

Não faca o passeio de barco para a Grota Azurra. Custa 7 euro (US$10,00) e ficam mais de 30 barcos enfileirados esperando para entrar na gruta.

Nesse dia vcs podem se aventurar um pouco pelos rochedos da ilha descendo até uma parte entre a Grota Azzurra e Il Faro, mergulhar no mar de sandálias e escalar de volta para o penhasco. O ferryboat custa em torno de 7 euro (US$10,00) ou Hidrofoils a 21 euro (US$14,50).


Monte Pertuso

Positano é uma vila entre o mar e um penhasco calcáreo. O centro fica na parte baixa, próximo à praia. Andar pela cidade é subir ladeiras bem íngremes. Bela vila com muitas lojinhas e restaurantes simpáticos. O mar não é tão azul como Capri, mas vale a pena descer para o lado direito da praia, que é mais afastada do porto. Uma das atrações de Positano é o Montepertuso, uma das 3 montanhas perfuradas do Mundo. A trilha para esse monte perfurado, começa no ponto final do micro-ônibus Montepertuso. Caminha-se 15 minutos em trilha no mato e atinge-se o cume desse monte, que possui uma visão maravilhosa da cidade.

Igreja de Santo André


Amalfi é uma vila cheia de ruelas, o mar é mais azul do que Positano, mas deve-se caminhar para as praias em direção a Salerno, ou para a Vila de Praiano. A igreja de Amalfi vale a pena visitar, é bizantina, com mosaicos, o túmulo de Santo Andre, padroeiro dos pescadores, o mosteiro e as relíquias no museu. A construão é bem antiga, e a cúpula é toda em cerâmica colorida, além de mosaicos na fachada principal. Outra ruela que vale a pena é a Via dei Mollini. Caminhe pelas ruelas medievais e descubra como vivem os locais nessa simpática vila. A melhor praia é Atrani.

Termas Poseidon



Amalfi


Sempre partindo de Positano, subam para Ischia, a ilha verde, é bem grande e possui 3 grandes vilas, Ischia, Lacco Amenno e Forio. Nas três encontram-se uma enormidade de hotéis e restaurantes. A melhor praia é Citarra, pois fica mais longe do porto, com vegetação próxima, ótimas rochas para se fazer mergulho próximo à praia. Nessa praia também encontram-se as Termas de Poseidon, águas termais que afloram de uma antiga cratera vulcânica. Paga-se 15 euro (US$20,00) para entrar nesse Spa natural.

Praia de Citarra




Positano



Saiam pela manhã de Positano para Salerno. De Salerno sigam para Gênova. Aproveitem para visitar as ruínas de Paestum (40 minutos de ônibus).As ruínas de Paestum, são de uma cidade grega localizada próxima a Salerno, pode-se vê-las perfeitamente de fora da grade que contorna as ruínas, para quem quiser economizar na entrada. Pode-se visitar o museu e as ruinas por cerca de 6 euro.

RESTAURANTES:

Em Ravello: o Cumpà Cosimo e o Palazzo de La Marra.


REGIÃO DA TOSCANA


Linda demais, mas, indico as principais cidades que são Firenze ( Florença ), Siena, Pisa, Ilha de Elba, Pistoia, San Gimignano, Pienza, Volterra, Montepulciano, Lucca e Arezzo.



Firenze- Fiquem mais um pouco em Florença porque tem muito para ver. A cidade tem muitos restaurantes. A maioria perto das áreas turísticas, Duomo e Piazza della Signoria, são de qualidade inferior e cobram muito caro. A melhor região para comer é ao redor da Santa Croce e cruzando o rio no Oltrarno.

Aqui escalamos algumas dicas de restaurantes em Florença:

• Osteria di Passignano

Via Passignano 33- Loc. Badia a Passignano 50028 - http://www.osteriadipassignano.com/;

• Trattoria del Trebbio - gostosas pastas

Via delle Belle Donne, 47/49R, perto da Piazza Santa Maria Novella http://www.casatrattoria.com/ristoranti.-


• Trattoria del Faggioli- Não abre aos sábados e domingos.Uma delícia!!! Corso dei Tintore, 47;

• Vivoli Piero Il Gelato - Via Isola Delle Stinche, 7/R;

• La Boutique del Cioccolato- Onde você come tortas, doces e pralines deliciosos.Tem também obras de arte feitas de chocolate!!! Via Maragliano 12;

• Pasticceria Luca - doces deliciosos!!! Hummm.... Via Lazzerini 2,

ENOTEC PINCHIORRI -Consideraada uma das melhor adega da Europa e como um dos melhor restaurante do país. Prepare seu bolso!!!- Via Ghibellina, 87, 055/242-777, http://www.enotecapinchiorri.com/;


Enotec Pinchiorri


• Antico Fattore- comida toscana típica-Via Lambertesca 1-3 Centro;

• Pizzeria Spagheteria la Grotta di Leo- sabor da verdadeira pizza italiana a preços acessíveis!!!

• Da Ruggero- Esta é uma tratoria bem tradicional da cidade!!;Via Senese 89, 055 220 542.;

• Alle Murate - Fica em um grande palácio medieval.Ideal para saborear um vinho!!; Via Proconsolo 16R, 055 240618, fecha seg),

Allemurate




• Bottega Del Gelato - Outra famosa sorveteria!!









Dica:
Estacionar carro em Florença é um saco. A cidade é relativamente compacta, então procure andar a pé sempre que possível porque é gostoso. De qualquer maneira, o ticket simples vale por uma hora, tem o de duas horas, o de 4 períodos de uma hora e o de 24 horas. Andar de bicicleta ou mesmo de moped (scooter) também pode ser uma opção bacana.

AO REDOR:

De Florença sigam para as outras cidades, próximas que você pode conhecer em um ou dois dias, como por exemplo, a Pisa- (50 min.) — se quiserem realmente subir na Torre, comprem o ticket pela internet com horário marcado — a volta pode ser feita por San Gimignano- (1h20min) de trem esticando até Poggibonsi- mais 20 minutos de ônibus. Para voltar a Florença, serão os mesmos 20 min. de ônibus a Poggibonsi — o último sai às 20h34 — e depois uma hora de trem, até Florença.

San Gimignano



Casa de Cortona


Pode-se dedica um dia a visitar Siena- (1h20min) de trem ou 1h de ônibus pela auto-estrada, quem preferir ir de carro o tempo é um pouco mais curto. Querendo fazer uma viagem um pouco mais longa, podem ir até Arezzo- 1h de Florença. Cortona, fica 15 min. de Arezzo e 45 min de Perugia.


Arezzo




Outra possibilidade (ops, cuidado, já temos mais possibilidades do que dias de permanência) é passear pela região do Chianti, escolhendo um restaurante para almoçar, a Badia a Coltibuono, que funciona num antigo mosteiro e produz seus próprios vinhos; entre almoço e jantar há um cardápio de frios, saladas e sobremesas. QUESTO CONCLUDE IL NOSTRO TOUR DELLE ITALIANE!!!!

 

Rota das Vinicolas