terça-feira, 6 de outubro de 2015

Rumos do Banco Itau amplia categorias artísticas para contemplar projetos culturais em 2016




O Projeto Rumos está, neste momento,  fazendo uma apresentação na Biblioteca Parque Estadual, dos novos "rumos" de apoio financeiro  aos projetos  culturais para 2016. 

Segundo os organizadores, o edital do Itaú Cultural, que começou  apoiando projetos focados em artes plasticas e audiovisual, resolveu ampliar o leque respeitando a diversidade do país.



O Rumos está bem mais flexível, tanto para o proponente expor a sua ideia, quanto na apresentação da proposta- os organizadores afirmam que em primeiro lugar eles analisam exclusivamente o projeto, depois, se passarem para uma segunda etapa, a banca julgadora avaliará a experiência do artista e documentos. 

O quesito idade também não é prolema, eles contam que apoiaram projetos de jovens que criara gammes para internet, cujo personagem e criador eram curumins de tribos do Amazonas e já apoiaram projetos de senhores de 80 anos.   

O melhor é que eles garantem ler todos os projetos, que passam pelo menos por 3 pessoas da banca que é formada por uma equipe multidisciplinar que caso não venha a arcar com 100% do recurso financeiro sempre chama o contemplado para renegociar a participação e dar apoio técnico. 

Os candidato e os projetos podem ser estrangeiros desde que respeitem a lei brasileira.