segunda-feira, 6 de junho de 2016

Tunga o primeiro artista contemporâneo do mundo a ter uma obra no Louvre.

Hoje, dia 6 de junho de 2016 faleceu o artista plástico pernambucano Tunga. 







“Fazer arte é juntar coisas” (Tunga) 




O artista é conhecido pela sua peculiar obra cheia de simbolismos como ossos, crânios, tranças, dedais, agulhas, dentes, recipientes de vidro e líquidos viscosos. (Fonte http://www.select.art.br)


Sua arte faz parte do acervo permanente do Instituto  Inhotim, em Brumadinho, Minas Gerais . http://www.inhotim.org.br/




Galeria Psicoativa Tunga (Inhotim) 







Curiosidade: sua mãe Léa de Barros,  foi uma das mulheres que posou para o célebre quadro "As gêmeas" de Guignard.





As gêmeas de Guinard