quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Feliz 2018







Outro dia ouvi de um amigo psicólogo que existem dois tipos de pessoas, estamos aqui focando nas “ditas normais”. Há os responsáveis e os comprometidos. Isso me deu uma clareza. Os responsáveis são os que estiveram geralmente nas primeiras fileiras da turma, ou seja, os que fazem as tarefas, os que chegam na hora e atendem as expectativas. Os comprometidos, no meu parco entender, são os mais passionais, não aturam regras, chegam atrasados, se vestem diferente, mas, estão lá para o que der e vier. Quando você precisa, comparecem, dão o sangue. Acho que ambos se completam. E com essa explicação eu comecei a flexibilizar, a ser mais bambu com os meus e menos carvalho. O julgamento diminuiu e a chama critica tb. Sendo assim, que venha mais um ano composto deste leque de amizade. Quanto aos “pisco” há várias formas de terapia, caso queiram. Se cada um de nós topar ter mais integridade e assumir responsabilidades, a roda gira. Lembrando que não esperar um mundo melhor para os filhos, mas, deixar filhos melhores para o mundo já é de grande valia. Bora lá contribuir para o 2018. Pode vir estamos prontos, ou ao menos em processo de melhora.